Estudante Internacional

03_ecoles_des_ecoles2

Exercício no Seminário das École des Écoles realizado na ESTC | 2015

Estudante internacional é o estudante que não tem a nacionalidade portuguesa.

Não é considerado estudante internacional:
a) Os nacionais de um Estado membro da União Europeia;
b) Os familiares (cônjuge ou parceiro em união de facto; descendente direto com menos de 21 anos de idade ou que esteja a cargo de um cidadão da União, assim como o do cônjuge ou do parceiro; ascendente direto que esteja a cargo de um cidadão da União, assim como o do cônjuge ou do parceiro) de portugueses ou de nacionais de um Estado membro da União Europeia, independentemente da sua nacionalidade;
c) Os que, não sendo nacionais de um Estado membro da União Europeia e não estando abrangidos pela alínea anterior, residam legalmente em Portugal há mais de dois anos, de forma ininterrupta, em 1 de janeiro do ano em que pretendem ingressar no ensino superior, bem como os filhos que com eles residam legalmente (o tempo de residência com autorização de residência para estudo não releva para este efeito);
d) Os que sejam beneficiários, em 1 de janeiro do ano em que pretendem ingressar no ensino superior, de estatuto de igualdade de direitos e deveres atribuído ao abrigo de tratado internacional outorgado entre o Estado Português e o Estado de que são nacionais;
e) Os que requeiram o ingresso no ensino superior através dos regimes especiais de acesso e ingresso regulados pelo Decreto-Lei n.º 393-A/99, de 2 de outubro, alterado pelo Decreto-Lei n.º 272/2009, de 1 de outubro.
f) Os estudantes estrangeiros que se encontrem a frequentar uma instituição de ensino superior portuguesa no âmbito de um programa de mobilidade internacional.

CANDIDATURAS PARA 2019/2020

Os estudantes internacionais devem efetuar a candidatura às Licenciaturas da ESTC, de 4 a 18 de fevereiro (1ª fase) ou de 17 a 30 de maio (2ª fase), através de um portal de candidaturas do Instituto Politécnico de Lisboa na internet (informação complementar disponível aqui>), integrando-se posteriormente nos concursos locais de acesso no que a provas e seriação diz respeito. As provas dos concursos locais de acesso estão descritas nos respetivos regulamentos, e a sua realização implica a posterior entrega de documentação complementar e pagamento da inscrição nestas provas.

Os estudantes internacionais devem efetuar a candidatura aos Mestrados da ESTC, de 17 a 30 de maio (fase única), através de um portal de candidaturas do Instituto Politécnico de Lisboa na internet (informação complementar disponível aqui>), de acordo com o seguinte calendário:
Candidatura: 17 a 30 de maio
Divulgação da lista de candidatos admitidos ao concurso: 11 de junho
Seleção de candidatos: 14 de junho pelas 10:30h
A seleção de candidatos ao mestrado em Teatro é feita através de entrevista e/ou prova prática de acordo com o regulamento disponível aqui>
A seleção de candidatos ao mestrado em Desenvolvimento de Projeto Cinematográfico é feita de acordo com os art. 13.º e 15.º do regulamento do curso disponível aqui>
Divulgação da lista ordenada dos candidatos admitidos aos cursos: 8 de julho
Reclamações da lista ordenada dos candidatos admitidos aos cursos: 8 a 10 de julho
Publicação da lista final de candidatos admitidos aos cursos: 12 de julho

NOVA FASE DE CANDIDATURAS para o mestrado em Teatro - esp. Artes Performativas, Design de Cena, Produção e Teatro e Comunidade (13 vagas):
Candidatura: 5 a 30 de agosto
Divulgação da lista de candidatos admitidos ao concurso: 6 de setembro
Seleção de candidatos: 9 e 10 de Setembro de 2019
A seleção de candidatos ao mestrado em Teatro é feita através de entrevista e/ou prova prática de acordo com o regulamento disponível aqui>
Divulgação da lista ordenada dos candidatos admitidos aos cursos: 11 de setembro
Reclamações da lista ordenada dos candidatos admitidos aos cursos: 12 de setembro
Publicação da lista final de candidatos admitidos aos cursos: 13 de setembro

Consulte os resultados do concurso de acesso ao mestrado aqui>

As matrículas e inscrições nos cursos realizam-se no período definido para os restantes candidatos aos cursos.

PROPINA
O valor da propina anual do estudante internacional é fixado pelo Conselho Geral do Instituto Politécnico de Lisboa, sob proposta do Presidente do IPL.
Aos estudantes em situação de emergência por razões humanitárias matriculados e inscritos nas instituições de ensino superior públicas aplica-se o regime de propinas, taxas e emolumentos fixado pela instituição para os estudantes nacionais.

Ano letivo 2019/2020 - €6900 (Para alunos nacionais de um estado membro da CPLP, o valor da anuidade pode ter um desconto até 50% do respetivo valor).