Passar para o conteúdo principal

Um espetáculo a não perder pela forma única como nos faz questionar a existência e a evolução das coisas. A nova coprodução do Cendrev e do Teatro Niño Proletário conta com 3 Alumni ESTC na sua produção (Beatriz Sousa do ramo de Design de Cena e Ivo Luz do ramo de Atores, Licenciatura em Teatro, 2017 e Carolina Lecoq da Licenciatura em Cinema, 2020).

 "(R) Existir" estará em cena até 15 de Maio, de quarta a sábado às 21h30 e aos Domingos às 16h, no Teatro Garcia de Resende.  

 

Sinopse:

Que segredos habitam no edifício do teatro e que podem ajudar a olhar o passado para encontrar respostas no futuro?

 É possível refletir sobre o ofício das artes cénicas nestes tempos convulsivos?

 O teatro oferece resistência ou apenas resiste?

 Cendrev e a companhia chilena Teatro Niño Proletário , convidam-nos a levantar imagens e perguntas a respeito de quais são as revoluções que hoje podemos defender.

 Projeto financiado por Iberescena e Dgartes.

 

 

Ficha Técnica:

Direção Artística: Beatriz Sousa, Catalina Devia, Francisco Medina Donoso, Ivo Luz e Rosário Gonzaga | Encenação: Francisco Medina Donoso | Espaço cénico: Catalina Devia Garrido e Francisco Medina Donoso | Iluminação: Catalina Devia Garrido | Apoio à execução de adereços: Filipa Madeira | Sonoplastia: Jaime Muñoz | Apoio à sonoplastia: Fernando Mendes | Direção audiovisual: José Coimbra e Tiago Guimarães | Interpretação: Ivo Luz; Luz Jimenez e Rosário Gonzaga; | Direção Técnica: António Rebocho | Operação de Som: Arnald Blasco | Operação de Luz: Francesc Bosch | Recolha de material audiovisual: José Coimbra e Tiago Guimarães | Design: Alexandra Mariano | Direção de produção: Claúdia Silvano | Produção executiva e Direção de Cena: Beatriz Sousa | Secretariado: Ana Duarte | Apoio à Direção de Cena: Kathleen Louise | Fotografia e Comunicação: Carolina Lecoq | Tradução LGP: Núria Galinha | Equipa técnica: Tomé Baixinho (trabalhador da CME) e Miguel Madeira (trabalhador da CME) | Dramaturgia(a partir de materiais diversos): Cendrev e Teatro Niño Proletário | Agradecimentos: Teatro Oriente de Providencia, Santiago de Chile; Daniela Contreras; Alexis Paredero; Margarida Gouveia; Kristian Orellaba González; Edison Cájas

Resumo

(R) Existir conta com 3 Alumni ESTC na sua produção (Beatriz Sousa e Ivo Luz do ramo de Design de Cena, licenciatura em teatro, 2017 e Carolina Lecoq da Licenciatura em Cinema, 2020).